AlmapBBDO cria “No Gogó” para Antarctica

gutodaboa_AlmapBBDO cria último episódio da websérie de Antarctica que interage com consumidor de forma diferente que está no ar com o título “No Gogó” com roteiro de Alexandre Machado e direção de Quico Meirelles. Foram cinco episódios, 2 filmes de bastidores, 8 vídeos exclusivos com conteúdo extra, três músicas desenvolvidas exclusivamente para a série e 52,8 milhões de visualizações até o momento. E entre todos, uma unanimidade, a torcida pela sequência da minissérie concebida pela AlmapBBDO para a cerveja Antarctica.

Samba, amor e interação marcam o fim da série No Gogó de Antarctica que, ao ousar em um novo formato, se aproxima de consumidores e termina minissérie com sucesso de audiência. Entrou no ar no dia 29 de novembro o último episódio da minissérie No Gogó feita por Antarctica. Com uma linguagem inédita no universo cervejeiro do país, a série misturou ficção e realidade e conquistou o coração dos cariocas.

Com a autenticidade como tema principal, a web série brincou com o amor do ambulante Guto (Thiago Martins) que finge ser quem não é para conquistar sua musa da praia, a Duda (Eline Porto). No último episódio, já com a verdade exposta, todos saberão se essa história de amor, que ganhou um samba assinado por integrantes do Cacique de Ramos e Fundo de Quintal como trilha sonora, dará certo.

Foram cinco episódios, 2 filmes de bastidores, 8 vídeos exclusivos com conteúdo extra, três músicas desenvolvidas exclusivamente para a série e 52,8 milhões de visualizações até o momento. E entre todos, uma unanimidade, a torcida pela sequência da minissérie.

A história não se limitou aos episódios e o personagem principal ganhou um perfil nas redes, que soma 33.220 mil seguidores, como Guto da BOA. A interação foi instantânea e espontânea. Fãs da série conversam, dão conselhos, fazem críticas e elogios e o “Guto” responde a todos. Os números provam o sucesso. A média de pessoas que ligaram os sons para ver os vídeos no facebook foi de 40% sendo que a média da plataforma é menor que 5%.

“A resposta de nossos consumidores não poderia ter sido melhor e pudemos construir a história a várias mãos, percebendo quais direções agradavam mais. A websérie nos mostrou uma nova forma de comunicar nosso produto e de nos comunicarmos e trouxe para a prática a autenticidade que prezamos em nossa relação com o Rio de Janeiro e como os cariocas. Estamos muito felizes com o resultado, com o elenco e toda a equipe que se envolveu profundamente neste projeto tão desafiador”, comenta Maria Fernanda de Albuquerque, diretora de marketing de Antarctica.

Com a minissérie as buscas pela marca no Google aumentaram em 65% e 337% em cliques para o site com o início dos episódios. Os acessos orgânicos subiram 454% e um aumento de 217% em acessos diretos no site, ou seja, pessoas que digitaram diretamente o site de Antarctica.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s